Home Nutrição Exercícios Saúde Quem Somos A que viemos Contato

14 de marÇo de 2015

Vida e Saúde

Placebo “injetável” melhora o desempenho esportivo.

O efeito placebo segue surpreendendo. Novas evidências dão conta de que a “injeção de placebo” – fazendo atletas acreditarem que recebiam eritropoetina, uma droga proibida que aumenta glóbulos vermelhos no sangue – é capaz de melhorar o desempenho esportivo de maneira significativa. Estamos diante de uma alternativa ao doping ou uma nova intervenção antiética?


O efeito placebo é intrigante, mas pouco explorado no esporte. Recentemente, um estudo publicado na conceituada revista científica Medicine and Science in Sports & Exercise demonstrou uma nova manifestação positiva do placebo, desta vez, quando administrado de modo injetável, como se fosse uma substância dopante.

No estudo, 15 indivíduos treinados realizaram uma prova de ciclismo de 3 Km sem receber qualquer intervenção (situação controle) ou após 7 dias de auto-aplicação subcutânea de placebo, acreditando ser uma nova droga similar à eritropoetina recombinante, que é sabidamente capaz de melhorar o desempenho esportivo por aumentar as concentrações de glóbulos vermelhos, células que transportam oxigênio.        

Os resultados apontaram que o placebo injetável resultou num ganho de desempenho de 1,2% em comparação ao controle. Pode parecer pouco, mas os quase 10 segundos de redução no tempo para completar a prova obtida com o placebo pode ser de grande significância numa competição esportiva.

Entrevistas realizadas com os participantes desse estudo revelaram que os principais motivos que os levaram a melhorar o desempenho foram: sensação de redução do esforço, aumento de motivação e recuperação mais efetiva após as sessões de treino.

Afora a importância científica desses achados, que jogam luz sobre o fascinante efeito placebo no esporte, há uma questão emergente que precisa ser debatida na prática profissional. Seria eticamente aprovável prescrever a um atleta um placebo, fazendo-o crer se tratar de uma droga dopante capaz de  melhorar seu desempenho?

Como a questão que se coloca é filosófica, não há uma verdade universal para ela. Sou de opinião que uma intervenção profissional desse tipo feriria os conceitos do “jogo limpo” (ou “fair play”), tão propagandeados no esporte de alto desempenho quanto banalizados por aqueles que atuam nessa indústria. Possíveis ganhos de desempenho advindos desse método não poderiam ser atribuídos aos esforços de preparação do atleta e da sua equipe; não passariam de um mero “truque” psicológico, uma forma “artificial” de melhorar o desempenho. Talvez um próprio doping, quem sabe...

Ademais, a relação entre atleta e profissional esportivo – seja ele qual for – envolve cumplicidade e confiança. Talvez a estratégia do “doping placebo” funcione na primeira tentativa, mas é possível que nas próximas situações a descrença no método – e provavelmente no profissional que o aplicou – reduza significativamente as chances de eficácia. Lembrem-se que, conforme discutido no Ciência inForma (clique aqui para ler), a expectativa é o carro-chefe do efeito placebo. E vocês, o que acham do “doping-placebo”? Mandem seus comentários!



Até a próxima!

Bruno Gualano - Blog Ciência InForma

www.cienciainforma.com.br



Para saber mais sobre o tema, leia:

Ross R, Gray CM, Gill JM. Effects of an Injected Placebo on Endurance Running Performance. Med Sci Sports Exerc. 2015 Aug;47(8):1672-81.

Gaudard A, Varlet-Marie E, Bressolle F, Audran M. Drugs for increasing oxygen and their potential use in doping: a review.Sports Med. 2003;33(3):187-212.







Comentários

Veja também


- Obesidade Juvenil - quantas horas por dia seu filho fica sentado?
- É difícil emagrecer, mas tão fácil recuperar! Entenda o porquê.
- Por que é tão fácil engordar? - Parte 1
- Tontura e desmaio após o exercício? Não é hipoglicemia!
- Dicar para não exagerar (muito) nas festas de fim de ano
- Homeopatia e efeito placebo
- Quando crer é poder: novas evidências do efeito placebo na Nutrição Esportiva!
- Emagrecimento com exercício? Esqueça a balança!
- Como melhorar o resultado do seu paciente ou aluno?
- Exercício e Nutrição na Obesidade Materna
- O “coach” e a cartomante
- Por que não devemos comentar sobre o peso (ou corpo) das pessoas, mesmo quando...
- Como a atividade física previne o câncer?
- Balcão da cozinha e obesidade – existe alguma relação?
- O que é microbiota?
- Exercício ou dieta? Qual o melhor para emagrecer?
- “Tratamento” medicamentoso para perda de peso.
- Futura mamãe, quer ter mais saúde durante a gravidez? Exercite-se!
- Videogames ativos e saúde infanto-juvenil
- Transtornos Alimentares - o que são e o que fazer?
- Perda rápida de peso nos esportes de combate
- 5 mitos sobre emagrecimento para esquecer de uma vez por todas
- Transtornos alimentares: O que o profissional de Educação Física tem a ver com isso?
- Perda de peso corporal e metabolismo: sobre o estudo do "the biggest loser"
- Por que eu não devo fazer compras no mercado com fome?
- Por que a perda rápida de peso deve ser banida dos esportes de luta?
- Exercício e depressão
- Como emagrecer e ganhar massa muscular ao mesmo tempo?
- Por que envelhecemos? Como podemos combater o envelhecimento?
- Tudo que eu gosto é ilegal, é imoral ou engorda!!!!!!!!!!!!
- Placebo “injetável” melhora o desempenho esportivo.
- Termogênicos para emagrecer?
- Exercício físico (aeróbio): um forte aliado luta contra o câncer.
- Água alcalina faz bem para a saúde?
- Fisicamente Ativo vs Sedentário
- Misturar bebida alcoólica faz mal?
- Hipoglicemia durante o exercício - isso é possível?
- Por que sentimos câimbras?
- Glutamina melhora o sistema imune?
- Água emagrece? Sim, não ou talvez?
- Estou seguro! Estou tomando esteroides com acompanhamento de um especialista!
- Mudando paradigmas no “tratamento” da obesidade.
- 9 motivos para não usar esteroides anabolizantes
- Efeitos adversos dos suplementos nutricionais
- Perda de peso no MMA: estamos esperando uma tragédia?
- Gordura corporal: diga-me onde estás que te direi quem és..
- Não, géis "emagrecedores" não derretem a gordura, tampouco ela "sai no xixi"!
- O que Darwin diria sobre a obesidade.
- Leite: qual a real causa da intolerância?
- Suplementos como proteínas e creatina prejudicam a função renal?
- Creatina pode causar câncer?
- Fez lipoaspiração? Tem que treinar!
- Drenagem linfática emagrece?
- Pós-Graduação em Nutrição Esportiva - INSCRIÇÕES ABERTAS!
- Parada técnica para hidratação no futebol: necessidade fisiológica ou cuidado em excesso?
- A mais nova droga “anti-obesidade” e os mesmos velhos dilemas...
- Fugindo do sedentarismo no ambiente de trabalho
- Comer antes de dormir, crime por assalto à geladeira ou estratégia nutricional consciente?
- Os (muitos) problemas do IMC!
- Perder peso ou emagrecer?
- As hipóteses, os fatos e as “picuinhas metabólicas” na Nutrição Esportiva...
- O exercício e a vitamina D previnem queda em idosos?
- Tempo ativo ou tempo sedentário: o que é mais importante para a saúde?
- “Exercício é remédio” para a osteoartrite!!
- Estudo sugere que o uso de suplementos anabólicos pode causar câncer.
- Sobre a busca do corpo perfeito...
- Então a alimentação (e não o exercício) é a chave para combater a obesidade? Calma, muito cuidado nessa hora!
- Feliz Páscoa!!
- Ingestão de bebidas alcóolicas inibe o emagrecimento?
- Exercício em jejum “revisitado”– associar treinos em jejum à dieta hipocalórica emagrece mais?
- Ciência inForma comenta o caso Anderson Silva
- Exercício na obesidade: pensando “fora da caixa” (Parte 2)
- Projeto: "Saúde e Bem-Estar na Obesidade"
- Suplementos esportivos fazem mal à saúde?
- Lançamento do Livro: "A Dieta Ideal"
- Procedimentos estéticos como drenagem linfática, criolipólise e carboxiterapia emagrecem?
- Exercício na obesidade: pensando “fora da caixa” (Parte 1)
- Boas Festas e Férias!!!
- O placebo na nutrição esportiva
- Ciência Informa Responde: Para onde vai a gordura?
- Lipoaspiração e seus efeitos adversos...
- Ciência Informa Responde: perda de peso em Spas
- Obesidade metabolicamente saudável – isso existe? – Parte 2
- Obesidade metabolicamente saudável – isso existe?
- Curso USP: Suplementação Esportiva
- Quer emagrecer? Desligue a TV!
- Perder Peso ou Emagrecer?
- Sejam Bem Vindos!!!



Busca

Receba Atualizações

Envia sua sugestão de temas


Nossos Colaboradores

Prof. Bruno Gualano, PhD
Prof. Associado da Universidade de São Paulo

Profa. Desire Coelho, PhD
Nutricionista Clínica e Esportiva

Profa. Fabiana Benatti, PhD
Pós-Doutora na Universidade de São Paulo (USP)

Prof. Guilherme Artioli, PhD
Prof. Dr. da Universidade de São Paulo

Prof. Hamilton Roschel, PhD
Prof. Dr. da Universidade de São Paulo